[Review] Corretivos: tipos e marcas

Oi gente!

Continuando o assundo do post de segunda-feira, no qual eu falei sobre como eu aplico corretivo, hoje vou falar um pouco dos diferentes tipos e de algumas marcas que eu testei.

Peço desculpas pelo post ter ficado longo, mas eu quis dar o máximo de dicas possível! ;)

Como vocês sabem, o corretivo serve para disfarçar manchas ou pequenas áreas da pele com coloração diferente. Para isso, a maior parte dos corretivos usados é cor de pele (digo cor de pele como a cor da SUA pele, seja ela qual for), e o princípio deles é disfarçar imperfeições cobrindo-as com uma camada da cor que você gostaria que aquela área fosse.

Existem vários tipos e marcas de corretivo cor de pele:  alguns com maior e outros com menor cobertura. A cobertura é o quanto o corretivo consegue cobrir a cor da mancha sem deixá-la visível. Em princípios vocês poderiam pensar, então, que quanto maior a cobertura do corretivo, melhor, certo? Pois é, não é tão simples. Corretivos com alta cobertura muitas vezes não deixam uma aparência muito natural, justamente porque eles são mais “grossos” e “deduram” mais que você está usando maquiagem. Então acaba sendo uma balança entre visual natural vs capacidade de cobrir imperfeições.

No meu caso, o que mais me incomoda na minha pele são minhas olheiras, e elas são bem marcadas. Por isso, eu acabo tendendo a procurar corretivos com maior cobertura. Por outro lado, no dia a dia eu faço uma maquiagem bem simples, sem passar nada na pele do rosto, então não dá para usar um corretivo “reboco” porque se não ficaria esquisitíssimo ter só os olhos super maquiados e o resto do rosto não! Acabei então ao longo dos anos usando três diferentes corretivos: o da Tracta, o the great cover up da EM Cosmetics e o Velvet da Contém 1g.

O da Tracta é o que eu tenho usado nos últimos meses e o que eu usei no tutorial de segunda. Ele tem uma cobertura de média para alta, e a grande vantagem dele é que ele é muito barato para um corretivo (cerca de R$30). A desvantagem dele é que ele é muito oleoso e tem uma variedade minúscula de cores (só 3 tons).

O corretivo da EM Cosmetics eu comprei nos EUA e o que me atraiu foi o nome: The great cover up (a grande cobertura), mas ele tem cobertura de média para baixa. Ele é menos grosso que o da Tracta, o que pode facilitar a aplicação, e ele deixa a aparência mais natural. Eu uso ele quando estou com vontade de passar uma maquiagem bem leve, principalmente em dias muito quentes nos quais a oleosidade do corretivo da Tracta me incomoda. Mas eu não compraria o da EM Cosmetics de novo.

O da Contém 1g também é um corretivo de cobertura média para alta, como o da Tracta, mas ele não é tão oleoso e tem várias cores. A desvantagem dele é o preço: R$76 (eu disse que R$30 para um corretivo era barato!). Sinceramente, ele é bom, mas não faz milagre, e por esse preço ou só um pouco mais você pode comprar um da MAC ou de outras marcas melhores que a Contém 1g (apesar de que eu sinceramente nunca usei um corretivo da MAC).

Eu gosto dessas três opções de corretivo para o dia-a-dia, mas honestamente para os dias em que eu quero aquela maquiagem completa e quero que minha pele esteja impecável, eles não têm cobertura suficiente para cobrir totalmente minhas olheiras. Então se alguém aí tiver uma dica de corretivo “p*rreta” (rs), deixe nos comentários!

Outra dica sobre corretivos cor de pele é que eles não necessariamente têm que ser idênticos ao tom da sua pele. Há várias pessoas que preferem passar corretivos um tom mais claros abaixo dos olhos, pois isso “ilumina” o rosto. Eu não sou super fã de contorno/iluminador (quando você cria focos de luz e sombra no seu rosto para deixá-lo mais definido), então eu prefiro procurar correivos que se aproximem ao máximo do meu tom de pele. Mas não é preciso ficar super paranóico, principalmente se você pegar um solzinho e ficar um pouco mais moreno.

Além dos corretivos cor de pele, há também corretivos coloridos que ajudam a cobrir imperfeições “cancelando” a cor da mancha com a sua cor complementar. Então, para cobrir espinhas (vermelhas), se usa um correitivo verde. Para cobrir olheiras (azuis), se usa um corretivo laranja. Nesses casos você passa uma camada (fina) do corretivo colorido e por cima uma camada do corretivo cor de pele. Eu acho que ajuda, por isso eu tenho o Making Of da Contém 1g (R$58), mas eu não o uso todo dia porque dá mais trabalho hahaha. Acabo usando quando eu vou para uma festa com maquiagem completa e quero dar uma ajuda extra para o corretivo tom de pele. Eu aplico ele com um pincel pequeno e chato, simplesmente pegando um pouco de produto e passando imediatamente em cima das olheiras. Depois eu cubro com corretivo cor de pele como eu mostrei na segunda-feira, usando uma esponja.

Corretivo Pincel

Pincel de corretivo.

Como tudo em maquiagem, o ideal é ter paciência de ir numa loja e experimentar. Não tenha medo de deixar que passem produtos em você e dizer que você vai voltar outro dia. Na minha experiência, quando é para comprar produtos que combinem com a sua pele, o melhor é poder sair da loja (e principalmente do shopping) para ver se o tom combina mesmo. A luz das lojas de maquiagem são sempre brancas e muito fortes, o que pode dificultar na hora de saber se a cor está ok. Fora que você não vai saber se o corretivo dura no seu rosto se comprar ele 5 minutos depois de ter testado, né? ;)

Essa são as dicas que eu tenho. Se vocês tiverem mais alguma, deixem nos comentários para ajudar todos os leitores!

Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s