[Diga sim!] O Buffet

Oi gente!
Continuando a série de posts sobre organização de casamento, hoje foi falar sobre escolher o local. Esse é um dos primeiros passos, pois vai definir a data e influenciar na escolha dos fornecedores.

Eu não vou me casar em igreja, então não sei dar dicas a respeito. Sei que muitas igrejas têm filas enormes para marcar data, então se você quer casar em uma, melhor correr atrás disso o quanto antes.
Prepare-se para ter uma bela canseira procurando seu buffet. Dá bastante trabalho filtrar as opções e você tem que tomar uma boa decisão, já que o local é parte fundamental do evento. Algumas coisas para se considerar:
1. O estilo do seu casamento.
Você quer que o local passe que sensação? É para ser moderno, rústico, clássico; em local fechado, na praia, no campo; formal, casual…? Dê uma olhada na internet em fotos de vários tipos de casamentos e pense qual combina mais com vocês. O Pinterest é bem legal para se juntar fotos que lhe interessam! E considere que apostar no clima no Brasil é algo arriscado, então casamentos ao ar livre podem te deixar nervosa. Alugar uma tenda é algo possível mas que pode chegar a ser bem caro, então pense nisso.

2. O horário.
Casamentos de dia costumam ser mais descontraídos, à noite são mais formais. Alguns buffets marcam um só casamento por dia, já outros fazem um de dia e outro à noite. Pense se você se importa com isso. Eu preferi buffets que fazem uma festa só, pois me parece dar menos chance de coisas darem errado (e se os fornecedores do casamento anterior se atrasarem para retirar as coisas? Ou os do casamento seguinte chegarem muito cedo?). Mesmo aqueles que só fazem uma festa vão querer saber o horário. Se a luz do dia fizer diferença para você, não se esqueça que no horário de verão o Sol se põe mais tarde.
3. O tipo de evento.
O buffet será só para a festa, ou a cerimônia será realizada lá também? A cerimônia pode ser feita no salão de festas (com os convidados sentados às mesas), ou você quer um espaço especial com bancos, como uma igreja? Saiba que nesse último caso os buffets costumam ter que ser grandes, o que aumenta o preço e o número de convidados.
Wed2
ritzcarlton.com
4. O número de convidados.
É óbvio que o buffet não pode ser pequeno demais, mas ele também não pode ser muito grande. Se o buffet comportar muito mais gente do que você vai chamar, vai parecer que você chamou um monte de gente e as pessoas não foram. Um buffet vazio fica feio, então ele tem que ter o tamanho certo para a sua lista de convidados. Lembre-se que se costuma cobrar um preço fixo pelo aluguel do local, mas a comida é cobrada por pessoa, então chamar mais gente para “encher” o local vai sair bem mais caro.
5. A localização.
O local é de fácil acesso, ou seus convidados vão se perder tentando chegar lá? Tem estrada de terra levando ao local, o que pode ser complicado se chover? No local tem estacionamento/ vallet? Saiba que os fornecedores costumam cobrar frete (e muitos são bem caros) se sua festa for fora da cidade/ em outra cidade, então leve isso em consideração.
Wed3
dreamweddingsinbali.com.au
6. Detalhes específicos de cada buffet.
Comparar orçamentos no caso do local é complicado porque cada um tem condições específicas.
Alguns exigem que você contrate a comida deles, outros não. Alguns incluem no preço de locação mesas e cadeiras (de alguns podem ser de plástico, outros de madeira, veja o que lhe agrada), outros você terá que contratar por fora (cuidado com esses, pois locação de móveis é algo bem caro!). Às vezes as toalhas de mesa estão inclusas, outras não. É bom que o buffet tenha um gerador (e se acabar a luz no meio da festa?) e ele pode estar incluso no preço ou ser cobrado à parte. Alguns buffets exigem que você utilize somente fornecedores da lista deles, o que pode ser bom (se o buffet tiver ótima reputação, eles garantem que aqueles fornecedores são bons) ou não (se você não gostar de nenhum).
Considere também o quão bonito é o local por si só: quando menos ele precisar ser decorado, mais barata será a decoração (que é outro dos itens mais caros da festa). Um local muito amplo pode exigir uma nota de decoração.
São muitos detalhes, mas que você terá que levar em conta na hora de comparar os buffets e os preços. Eu acho mais fácil tentar encontrar um buffet que tenha tudo, assim é menos coisa para você ter que correr atrás e definir. Mas vai de gosto.
7. Reputação.
Por fim, lembre-se de que o buffet vai ser o item mais caro do seu casamento, então certifique-se de que está investindo em um local seguro. O barato pode sair caro se ele não cumprir seu contrato por algum motivo, então pesquise no reclame aqui se há queixas, e procure fechar com um local que já tenha reputação de ser confiável.
wed4
zukas.com
O site casamentos.com.br é um bom lugar para se começar uma pesquisa, pois você pode fazer uma busca mais específica sobre o tipo de local, e muitos já dão na descrição o preço dos menus e outros detalhes. Revistas de noiva também têm anúncio de buffets interessantes.
Vá à caça de orçamentos, restrinja sua lista a alguns buffets que valem a pena ser visitados, e boa sorte! Tente manter a mente um pouco aberta a opções de data e isso facilitará você conseguir fechar com o buffet ideal. Eu demorei mais ou menos 2 meses entre começar a pedir orçamentos e fechar o local, então tenha paciência.
Quando finalmente encontrar o buffet que você quer, preste atenção às cláusulas do contrato, como por exemplo quanto custa adicionar mais convidados posteriormente.
Até a próxima!
Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s